Três dicas para sua rede ser social
31 de maio de 2010
0

Rede realmente social, assim começa a matéria da seção de tecnologia da revista Carta Capital do dia 31 de março de 2010, a revista apresenta o projeto denominado JUMO (www.jumo.com) que o cofundador do Facebook CHRIS HUGHES criou, na matéria escrita por Felipe Marra Mendonça comenta que Hughes criou “um projeto que tirasse das redes sociais o ranço da futilidade que a cerca”.

Felipe Mendonça retirou um texto do próprio Jumo que representa bem o objetivo do projeto. “Existem milhões e milhões de pessoas ao redor do mundo que trabalham a cada dia para melhorar a vida de outras pessoas. Infelizmente, existem ainda outros milhões de pessoas que não sabem como ajudar de forma significativa. O Jumo reúne indivíduos e organizações que podem acelerar o ritmo das mudanças globais. Conectamos as pessoas aos assuntos importantes, às organizações e aos indivíduos relevantes para que criem relações duradouras e ações importantes”.

(mais informações leia a matéria completa ou acesse diretamente a Jumo)

A iniciativa de Hughes é muito boa, poderá ajudar milhares de pessoas e quem sabe provocar mudanças sociais significativas no modo de pensar da sociedade. Mas gostaria de levantar uma questão, precisamos criar uma rede para fazer o bem e as que já existem como Orkut, facebook, twitter, flirck entre outras. Será mesmo que elas só servem para reforçar a futilidade?

Pedofilia, preconceito, desrespeito, irresponsabilidade e por incrível que pareça individualismo, são o que encontramos em massa nas redes sociais, começamos pelas comunidades que participamos.

Quantas passam uma mensagem positivas?

Quantas realmente usamos para discutir temas de nossos interesses?

E outra, quantas realmente sabemos o que está sendo discutido?

Uma perguntinha para os mais ativos nas redes sociais, quantas vezes você não aderiu a uma comunidade no Orkut somente pelo título sem nunca sequer entrar nela? Proponho um exercício básico composto de três tarefas:

1-      Uma vez por semana acesse suas comunidades, escolha pelo menos uma que não lhe sirva para nada e saia.

2-       Entre em comunidades que realmente discuta temas de seu interesse e participe ativamente. Se você tem um filho ingresse em comunidades que compartilhe informações como educação, sexualidade.
Se você ou alguém de sua família possui doenças crônicas, aproveite a internet para conversar com outras pessoas que passam pela mesma situação, descobrir as ultimas descobertas e dividir aflições e alegrias.
Se você tem uma profissão, não entre em todas as comunidades e siga todas as revistas e profissionais no twitter, opte em escolher as mais relevantes  para manter sempre informado a respeito do mercado e novidades de sua área de atuação.
Isso também vale para hobbies, escolha uma ou mais comunidades de seu time de coração que o mantenha informado sobre as contratações, resultados e calendário. Outros gostos também podem ser buscados e discutidos como games, esportes radicais, cinemas, crochê, teatro, dança, música entre outros.

3-      E por último mais não menos importante, sempre que visualizar alguém utilizando as redes de má fé denuncie na hora, seja um perfil ou uma comunidade.

Com isso podemos realmente tornar as Redes SOCIAIS, e aproveito para parabenizar Chris Hughes pela iniciativa e Felipe Mendonça pela série de matérias interessantes na seção tecnologia da revista Carta Capital, que fogem da mesmisse de muitos que ao falar em tecnologia é o mesmo: lançamentos da aplle, imagens photohopadas, celulares que só faltam falar etc.

Até semana que vem.

Graduado em Comunicação Social Multimídia e pós-graduando em Business Intelligence. Possui 11 anos de experiência em marketing digital e em 2017 foi escolhido como profissional referência da Região Norte da Pesquisa Nacional de Profissionais de Inteligência em Mídias Sociais. Atualmente é Supervisor de inteligência na Norte Comunicação e diretor de marketing na Yesbil.

Opine!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.