Por que não devemos disparar anúncios não autorizados via WhatsApp
27 de julho de 2018
0

Estamos numa nova onda em Belém, o disparo de SPAM via WhatsApp. Antes de dizer por que isso é ruim preciso apresentar dois conceitos: OPT-in e Soft-Op-in.

Os termos são muito usados em manuais de boas práticas de e-mail marketing e demais ferramentas de marketing direto, que assim como o WhatsApp possibilitam disparos em massa sem restrição de conteúdos (formatos, temas etc).

O opt-in ocorre quando houve uma autorização para envios específicos de conteúdo, por exemplo, autorizar o envio da agenda de eventos de uma casa de shows. O objetivo do cadastro na lista precisa ser claro e o usuário tem que ter possibilidades de pedir sua retirada da lista.

O Soft-Opt-in é quando não há uma autorização específica, mas existe relação comercial ou social entre o Remetente e o Destinatário, por exemplo, uma concessionária enviar uma oferta de check-up específico do modelo de carro comprado.

E o que algumas empresas estão fazendo?

Estão extraindo números de telefones de sites e perfis de mídias sociais, que também são números de Whatsapp, sendo que em momento algum essas pessoas autorizaram ou pediram para receber informativos comerciais da marca.

Alguns “profissionais” vão alegar que gera resultados, porém não é avaliado a que custo, pois como já comentei anteriormente, a mensagem vai ser disparada para pessoas que não pediram e haverá entre elas pessoas que ficarão chateadas com essa invasão e além de não consumirem os produtos da marca poderão se tornar haters.

Além disso, não há garantia alguma que os que optaram em realizar as compras irão se tornar clientes fiéis, pois foi um interesse momentâneo e depois de vários disparos indevidos eles também poderão se chatear e se tornarem haters da marca.

Há uma ilusão de crescimento no início, mas na verdade está correndo o risco de se destruir a imagem da marca.

Mas no Facebook também recebemos anúncios?

No Facebook e nas demais mídias sociais já há um acordo prévio entre internauta e a mídia social que haverá eventualmente a exibição de anúncios entre os conteúdos, a mídia social controla a quantidade e os tipos de anúncios (formatos,textos, temas…). No disparo não autorizado pelo whatsApp não há esse controle.

Já imaginou se todas as empresas resolveram disparar anúncios ao mesmo tempo pelo Whatsapp?

Não podemos usar nunca o WhatsApp para envios de publicidade?

Podemos sim, apesar de não ser o canal ideal para isso, em alguns casos funciona muito bem, como por exemplo, o envio de cardápio para os clientes de restaurante.

Só lembrando que precisa ter a devida autorização e não forçar a barra com conteúdos não acordados antes.

Graduado em Comunicação Social Multimídia e pós-graduando em Business Intelligence. Possui 11 anos de experiência em marketing digital e em 2017 foi escolhido como profissional referência da Região Norte da Pesquisa Nacional de Profissionais de Inteligência em Mídias Sociais. Atualmente é Supervisor de inteligência na Norte Comunicação e diretor de marketing na Yesbil.

Opine!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.